terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Bocejo

E as nuvens choraram suas cores.

Empalideceram e agrisalharam.

Como sangue que deixa um corpo.

Um comentário:

CAROLINA RAMOS disse...

http://lemasdaminhavida.blogspot.pt/2013/01/nuvens.html



Comentário em jeito de resposta ao teu poema. Que corra tudo bem. Just :) and remember: Be Happy!